Login

Lost your password?
Don't have an account? Sign Up

Erros mais comuns no manejo do mogno africano:

Erros mais comuns no manejo do mogno africano:

Ao se tratar de reflorestamento comercial de mogno africano, há uma série de cuidados e detalhes que devem ser considerados no momento do manejo para se obter sucesso no plantio e evitar surpresas desagradáveis durante o desenvolvimento da floresta. Estes cuidados devem estar detalhados no planejamento florestal.

Preparo do solo:
Um dos erros mais comuns é não cuidar previamente do solo e já ir colocando as mudas a campo. Deve ser feita a análise do solo e a identificação de quais nutrientes devem ser corrigidos, procedendo de forma tempestiva à correção e adubação exigidas.

Desconhecer o local de plantio:
O mogno africano, por ser uma espécie exótica, não se adapta a regiões onde há a ocorrência de geadas ou áreas muito úmidas. Por essa razão o seu cultivo é indicado em regiões quentes e com índice pluviométrico superior a 800 milímetros ao ano.

Projeto de viabilidade financeira:
Não basta apenas saber se a cultura que deseja plantar irá se desenvolver bem naquela região. Também é fundamental considerar a viabilidade econômica do negócio florestal. Por exemplo, um solo extremamente pobre já é um indicador de que será necessário adquirir um grande volume de insumos, aumentando assim, o valor do investimento inicial do projeto.

Fonte: https://www.ibflorestas.org.br

Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram